Lambda (AWS)

Lambda é um serviço de computação
serverless fornecido pela Amazon Web Services (AWS). Ele permite que
você execute código de forma escalável e confiável, sem a necessidade de
provisionar ou gerenciar servidores. Com o Lambda, você pode criar
funções que são acionadas por eventos, como alterações em buckets do S3,
atualizações em tabelas do DynamoDB, mensagens recebidas no serviço de
fila SQS, entre outros. Cada função é executada em um ambiente isolado e
é automaticamente dimensionada conforme a demanda, eliminando a
necessidade de dimensionamento manual. Além disso, o Lambda oferece
suporte a várias linguagens de programação, incluindo Python, Node.js,
Java, C# e Go, permitindo que você escolha a linguagem de sua
preferência. Com sua flexibilidade e escalabilidade, o Lambda é
amplamente utilizado para construir arquiteturas de microsserviços,
processamento de eventos em tempo real, criação de APIs sem servidor e
automatização de tarefas, tornando o desenvolvimento de aplicativos mais
ágil e eficiente.

Como monitorar Lambda na One Platform

Para configurar um monitoramento
de Lambda na plataforma, vá até a aplicação do produto em que deseja
adicionar a Queue como dependência. Clique no menu produtos, clique no
card do produto desejado e, depois, clique no nome da aplicação
desejada.

Em External Dependencies,
localizado logo abaixo do gráfico de latência, você pode adicionar ou
buscar uma dependência já cadastrada. Para procurar uma dependência,
digite o nome da mesma no campo de busca. Já para adicionar uma nova,
clique no botão verde com um símbolo de mais (+).


 

Ao clicar em adicionar, um modal
irá aparecer. Nele você irá nomear a sua fila e escolher o Enviroment.
No campo do Check type, escolha a opção Queue e no Method, escolha
Lambda (AWS). Após escolher o método, um campo para Healthcheck URL
aparecerá.


 

Marque o checkbox NOME, para checagem da Lambda

Confira abaixo o exemplo de string para o Lambda.

ex: ACCESS_KEY:SECRET_ACCESS_KEY/AWS-REGION@functionName

Usamos a API do AWS CloudWatch para pesquisar por logs e métricas do Lambda. Clique aqui para ler mais sobre seus preços.

 

Obs.: Por motivos de segurança,
não é permitido inserir um IP no campo de healthcheck. Para monitorar um
IP, é necessário inserí-lo em uma secret e usá-la no healthcheck

Lambda é um serviço de computação
serverless fornecido pela Amazon Web Services (AWS). Ele permite que
você execute código de forma escalável e confiável, sem a necessidade de
provisionar ou gerenciar servidores. Com o Lambda, você pode criar
funções que são acionadas por eventos, como alterações em buckets do S3,
atualizações em tabelas do DynamoDB, mensagens recebidas no serviço de
fila SQS, entre outros. Cada função é executada em um ambiente isolado e
é automaticamente dimensionada conforme a demanda, eliminando a
necessidade de dimensionamento manual. Além disso, o Lambda oferece
suporte a várias linguagens de programação, incluindo Python, Node.js,
Java, C# e Go, permitindo que você escolha a linguagem de sua
preferência. Com sua flexibilidade e escalabilidade, o Lambda é
amplamente utilizado para construir arquiteturas de microsserviços,
processamento de eventos em tempo real, criação de APIs sem servidor e
automatização de tarefas, tornando o desenvolvimento de aplicativos mais
ágil e eficiente.

Como monitorar Lambda na One Platform

Para configurar um monitoramento
de Lambda na plataforma, vá até a aplicação do produto em que deseja
adicionar a Queue como dependência. Clique no menu produtos, clique no
card do produto desejado e, depois, clique no nome da aplicação
desejada.

Em External Dependencies,
localizado logo abaixo do gráfico de latência, você pode adicionar ou
buscar uma dependência já cadastrada. Para procurar uma dependência,
digite o nome da mesma no campo de busca. Já para adicionar uma nova,
clique no botão verde com um símbolo de mais (+).


 

Ao clicar em adicionar, um modal
irá aparecer. Nele você irá nomear a sua fila e escolher o Enviroment.
No campo do Check type, escolha a opção Queue e no Method, escolha
Lambda (AWS). Após escolher o método, um campo para Healthcheck URL
aparecerá.


 

Marque o checkbox NOME, para checagem da Lambda

Confira abaixo o exemplo de string para o Lambda.

ex: ACCESS_KEY:SECRET_ACCESS_KEY/AWS-REGION@functionName

Usamos a API do AWS CloudWatch para pesquisar por logs e métricas do Lambda. Clique aqui para ler mais sobre seus preços.

 

Obs.: Por motivos de segurança,
não é permitido inserir um IP no campo de healthcheck. Para monitorar um
IP, é necessário inserí-lo em uma secret e usá-la no healthcheck